ESTADO SE COMPROMETE A PAGAR PARTE DA DÍVIDA COM HOSPITAL INFANTIL DE JOINVILLE ATÉ O FIM DO ANO

5815

Após pedido do Ministério Público, o Hospital Infantil de Joinville informou na tarde de ontem (07) que o atendimento no Pronto-socorro se manterá até dia 14 (quarta-feira). Uma ação do MP protocolada na terça-feira passada solicitou ao governo estadual de SC o pagamento de cerca de R$ 16 milhões que este deve à instituição de saúde, sendo a dívida então o motivo dos problemas no atendimento do local.
Com isso, o Governo do Estado se comprometeu entregar até o fim do ano, através da Secretaria de Saúde, a quantia de 9 milhões. Destes 9, R$ 2,2 milhões já estão na conta do Hospital. Se chegar ao prometido, o débito do Estado com a instituição ficará ainda em torno de R$7 milhões.
Por enquanto, os atendimentos prestados estão restritos à: Internação e UTIs, tratamentos já iniciados de quimioterapia, tratamentos que demandem continuidade (como pós-cirurgia e troca de curativos/gessos), pronto-socorro e cirurgias emergenciais. Em contrapartida, não estão sendo efetuados no momento: cirurgias não urgentes, exames para pacientes que não estão internados, consultas de ambulatório, e transferência de outros hospitais – exceto pronto-socorro.

COMPARTILHAR